Amar perdidamente

MARIA DA GRAÇA FOLES AMIGUINHO BARROS

SINOPSE DE AMAR PERDIDAMENTE

Nina, vítima do Holodomor, é a cozinheira de uma família da classe média-alta de Peterhof.
Apaixona-se pelo filho mais velho dos patrões, George, de quem tem uma criança que ele não quer perfilhar, devido às diferenças sociais que os separam.
Nina casa, por obrigação, com o cocheiro da família, omitindo a gravidez.
A paixão por George permanece, durante anos, mesmo sendo casada e tendo outra criança, até aparecer Katia, a estilista contratada pela mãe de George.
Tudo se altera. O desespero, a tristeza e o ciúme falam mais alto do que a consciência e a razão.
Muitas histórias acontecem, muitas voltas a vida vai dando.
Cenas de paixões tórridas se desenrolam também, com outras personagens, em diferentes cenários.
Caminhos percorridos, vidas excêntricas, mas sempre com o desejo expresso de libertação da mulher.
A política dominante é a paixão de uns e outros a condenam por ser uma forma abominável de repressão.
Histórias imaginárias que poderão ter sido reais, algures.
Em AMAR PERDIDAMENTE, todos nos poderemos encontrar, talvez, em alguma das suas personagens.

Música similar